Destaque HomeNutriçãoA importância da boa alimentação desde a infância

28 de abril de 2022

Estudos indicam que a má alimentação afeta o desenvolvimento de membros e o funcionamento do corpo humano, além de desencadear doenças como a obesidade, que atinge cerca de 7% das crianças no Brasil.

Para os adultos, ter o hábito de uma alimentação saudável, equilibrada e rica em nutrientes, minerais e vitaminas, alinhada à prática regular de exercícios físicos e a outros fatores saudáveis, é fundamental para evitar o surgimento de doenças. Mas sabia que criar o hábito de ter uma boa alimentação desde os primeiros anos de vida também é positivo para o desenvolvimento cognitivo das crianças? No caso delas, a nutrição adequada pode prevenir a evolução de doenças como a obesidade, que já atinge cerca de 7% da população infantil em todo o país, de acordo com dados do Ministério da Saúde. Por isso, uma nutricionista capixaba reforça que uma alimentação equilibrada e saudável pode ser elaborada desde os seis meses de idade dos pequenos, que é quando legumes, frutas e verduras começam a ser introduzidas à nutrição deles junto ao leite materno.

Dayanna Miranda Camizão afirma que a participação das crianças, principalmente a partir dos 3 anos, no preparo de algumas refeições pode auxiliar na elaboração de uma rotina alimentar equilibrada e saudável. “Em vez de serem influenciados pelos pais a apenas se alimentarem daquela verdura, por exemplo, quando estão no preparo das refeições, as crianças têm o contato com o alimento, com a textura dele, e adquirem maior conhecimento sobre aquilo. Quando colocados nos pratos, elas já têm maior familiaridade com o item e mais abertura para consumi-lo”, explica a nutricionista da Upuerê Educação Infantil.

Melhorias que uma boa alimentação proporciona para as crianças

A especialista afirma que uma boa alimentação começa com o leite materno, que deve permanecer na rotina de nutrição da criança até os dois anos de idade, e permanece quando há a introdução de frutas, verduras, legumes e outros alimentos à rotina rica em proteínas, nutrientes, minerais e vitaminas. Confira as melhorias que uma alimentação saudável pode promover nas crianças:

  • Auxilia a conexão cerebral das crianças;
  • Os anticorpos recebidos a partir do leite materno previnem alergias alimentares e possíveis infecções infantis;
  • Ajuda no fortalecimento do sistema imunológico;
  • Favorece o equilíbrio da saúde física e mental;
  • Afeta positivamente o desenvolvimento social e o desempenho escolar.
Como inserir uma rotina alimentar saudável para as crianças?

A nutricionista reforça que os pais são o maior e principal exemplo em todos os momentos, inclusive durante a rotina alimentar. Por isso, mais do que apenas apresentar os novos alimentos de forma divertida e colorida nos pratos, é importante também proporcionar o contato entre a criança e o alimento para fazê-los compreender a importância de ter o hábito de se alimentar bem. “Se no prato da criança tem alguma salada com maçã, por exemplo, os pais podem oferecer um pedaço à parte da fruta para ela, criando o interesse e o reconhecimento dela em relação à maçã. Os pais podem incentivar também a participação dos pequenos durante o preparo de refeições, pois estimula a responsabilidade, organização em relação à bancada e aos alimentos, e a imaginação deles”, detalha Dayanna.

https://www.upuere.com.br/wp-content/uploads/2021/07/logo-upuere-horizontal-rodape.png
Upuerê Educação Infantil

Somos referência em Educação Infantil no ES, desde 1993. Prezamos pelo desenvolvimento das crianças como cidadãs do mundo.

Receba nossas novidades

Cadastre-se em nossa newsletter e se mantenha atualizado sobre tudo o que acontece na Upuerê.

    Tecnologia Tipz

    ×